o que é

a economia

circular

Notícias

Empresa de Cervejas da Madeira expande a sua rede de máquinas de recolha de garrafas de vidro

A Empresa de Cervejas da Madeira (ECM), uma das maiores empresas regionais de produção e distribuição de bebidas na Região Autónoma da Madeira, possui várias máquinas de recolha de garrafas de vidro da sua marca (reverse vending), com o objetivo de minimizar os consumos de recursos e a produção de resíduos, e, por conseguinte, de promover a economia circular.

O sistema de recolha promovido pela ECM proporciona um método automático para recolher, separar e processar a devolução de garrafas de vidro para reutilização. Para além disso, este sistema traz benefícios ao consumidor, que após a deposição da garrafa numa máquina de recolha, consegue recuperar o valor da caução (incluído no preço de venda da garrafa de bebida) através de um talão válido para descontar numa próxima compra.

Graças a este sistema, em 2022, a ECM recolheu 3,6 milhões de garrafas nos supermercados, o que se traduziu numa taxa de devolução de garrafas, para este canal de vendas, na ordem dos 46%. Para além disso, no mesmo ano, este sistema permitiu uma redução das emissões de CO2 na ordem das 280 toneladas.  

Até ao final de 2022, a empresa contava com 9 equipamentos de reverse vending, em diversas lojas da Região, tendo, recentemente inaugurado a sua 10ª máquina, no Continente do Caniço Shopping.

Deste modo, atualmente, poderá encontrar este tipo de máquinas nas seguintes lojas:

- Pingo Doce do Anadia

- Continente dos Viveiros

- Pingo Doce do Gorgulho

- Pingo Doce do Fórum Madeira

- Continente de São Martinho

- Continente da Cancela

- Pingo Doce da Cancela

- Continente do Caniço Shopping

- Continente da Serra D’Água

- Continente da Água de Pena


Ver mais

Apoio a projetos para a Descarbonização da Indústria. Torne a sua empresa mais autónoma e sustentável!

O “Apoio à Descarbonização da Indústria” enquadra-se no Programa de Recuperação e Resiliência (PRR) e visa promover a transição energética através da utilização de energias renováveis, introdução de novas tecnologias ou processos de produção mais sustentáveis e eficientes, incluindo opções de circularidade, a fim de os descarbonizar.

Beneficiários

O apoio é dirigido às Empresas, de qualquer dimensão ou forma jurídica, do setor da indústria, categorias B - Indústrias extrativas e C - Indústrias transformadoras, da Classificação portuguesa das atividades económicas, revisão 3.

Área geográfica de aplicação

Os projetos a apoiar devem ser desenvolvidos no território nacional, onde se inclui a Região Autónoma da Madeira

Tipologias de operações elegíveis

Os projetos de investimento elegíveis para financiamento terão de ser enquadráveis em pelo menos um dos seguintes domínios de intervenção:

“024ter - Eficiência energética e projetos de demonstração nas PME ou grandes empresas e medidas de apoio que cumprem os critérios de eficiência energética”;

“022 - Processos de investigação e de inovação, transferência de tecnologias e cooperação entre empresas, incidindo na economia hipocarbónica, na resiliência e na adaptação às alterações climáticas”;

“029 - Energia renovável: solar”;

“032 - Outras energias renováveis (incluindo a energia geotérmica)”;

“033 - Sistemas energéticos inteligentes (incluindo as redes inteligentes e sistemas de TIC) e respetivo armazenamento”.

Tipologias de Projetos

As tipologias de projetos passíveis de apresentação de candidatura, são:

a) Processos e tecnologias de baixo carbono na indústria;

b) Adoção de medidas de eficiência energética na indústria;

c) Incorporação de energia de fonte renovável e armazenamento de energia

Ver mais

Novo Plano de Ação para a Economia Circular – trabalhos preparatórios

O Plano de Ação para a Economia Circular (PAEC) foi um instrumento político, desenvolvido em 2017, com o objetivo de assumir compromissos alinhados com o Plano de Ação para a Economia Circular da União Europeia (UE), com o Acordo de Paris, com a Estratégia de Política Industrial da UE, e com os Objetivos da Agenda de Desenvolvimento Sustentável 2030 das Nações Unidas.

Considerando a dinâmica atual dos sistemas da sociedade, as ambições nacionais para a economia circular têm de ser atualizadas de forma regular. Nesse sentido, atualmente, encontra-se em desenvolvimento o Novo Plano de Ação para a Economia Circular, à responsabilidade da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e em colaboração com o Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa (IST/UL).

No âmbito dos trabalhos de preparação, no passado dia 4 de novembro, ocorreu um workshop no IST, juntando diversos stakeholders de diversos eixos, e onde se debateu o estado atual da Economia Circular em Portugal, assim como o Balanço das atividades da PAEC e dos resultados alcançados entre 2018 e 2020.

Ver mais

Comunidade Circular da Fundação Ellen MacArthur

A Fundação Ellen MacArthur (EMF) é uma organização não governamental (ONG) que tem como propósito fomentar a aceleração da transição para a economia circular, desempenhando um trabalho de relevo ao nível do desenvolvimento e promoção do conceito de economia circular, em parceria com empresas, instituições académicas, decisores políticos, e outras instituições capazes de mobilizar soluções sistémicas à escala global.

A transição para a economia circular implica a ação reforçada, a nível mundial, de variados atores com influência nos sectores e indústrias existentes. Como tal, a Fundação foi capaz de construir uma comunidade virtual que, atualmente, integra milhares de organizações que atuam segundo os princípios da economia circular e compreendem a necessidade da ação coletiva para esta transição.

A comunidade junta empresas, decisores políticos, empreendedores, universidades, cidades, organizações filantrópicas e líderes do pensamento, com o intuito de construir e escalar o tema da economia circular, e encontra-se organizada entre parceiros estratégicos, parceiros e membros, consoante fatores tais como a dimensão organizacional, o nível de influência e de ambição, e o tipo de envolvimento com as áreas chave da fundação.

A candidatura a esta comunidade é gratuita e está aberta a qualquer organização, contudo sujeita a um pequeno processo de aprovação por parte da EMF.

Após a aprovação, as organizações registadas podem beneficiar de acesso:

  • Às notícias e desenvolvimentos sobre economia circular mais recentes;
  • A eventos virtuais da comunidade, perceções e recursos de aprendizagem;

  • À Plataforma da Comunidade da Fundação Ellen MacArthur.

Neste sentido, a comunidade da EMF pode constituir uma ótima oportunidade de potenciar a visibilidade e oportunidades estratégicas para as várias organizações (empresas e startups) identificadas na Plataforma Madeira Circular, contribuindo para a afirmação da Região Autónoma da Madeira enquanto localidade insular de características vantajosas para o desenvolvimento de soluções de promoção da economia circular.

Ver mais

Divulgação do Projeto "AconXego"- Naninhas do Bem Madeira para os Hotéis Green Key e integração como Exemplo na Plataforma Madeira Circular

Atividade realizada no âmbito da Semana Europeia da Prevenção de Resíduos 2022

A Direção Regional do Ambiente e Alterações Climáticas (DRAAC) promoveu a divulgação do Projeto "AconXego"- Naninhas do Bem Madeira junto dos coordenadores dos Hotéis Green Key da Região Autónoma da Madeira, no âmbito das atividades integradas na Semana Europeia da Prevenção de Resíduos 2022, que este ano teve como tema: “Têxteis circulares & sustentáveis, o lixo está fora de moda!” e decorre entre os dias 19 e 27 de novembro.

O Projeto “AconXego”, além de se constituir como um projeto com grande relevância social, representa um exemplo de boas práticas de economia circular através da reutilização de têxteis, e por essa razão a DRAAC integrou-o na secção dos Exemplos da Plataforma Madeira Circular.

Esta ação de divulgação teve como objetivo convidar os Hotéis Green Key a colaborar com a causa deste Projeto, através da doação de têxteis que não estejam em utilização no estabelecimento (cortinas, roupas, entre outros). A doação representará um importante contributo de cariz social e, de forma paralela, representará um contributo para a prevenção da produção de resíduos têxteis.

Através desta ação de partilha de informação durante a Semana Europeia da Prevenção de Resíduos e sua integração na Plataforma Madeira Circular, a DRAAC pretende promover a economia de partilha e estabelecer as sinergias necessárias entre os diferentes sectores económicos, como forma de canalizar os excedentes, neste caso os têxteis utilizados, que podem ser reutilizados como recurso pelos voluntários do “AconXego”.

Importa destacar o importante contributo de iniciativas de cariz social no âmbito da economia circular, pelo seu papel ativo na divulgação das problemáticas ambientais, mas também na sensibilização para a alteração dos comportamentos dos cidadãos e das empresas. A participação de todos é condição necessária para o alcançar a transição para uma economia circular na Região, como referido na visão traçada pela Agenda Madeira Circular, documento que assinala o desígnio assumido pelo Governo Regional para a economia circular. Salienta-se que o 3º setor (instituições de cariz social) tem um peso significativo da estrutura social da Região Autónoma da Madeira e constituem um fator preponderante para a prevenção e reutilização.

Além dos estabelecimentos hoteleiros, todos nós podemos participar nesta iniciativa através da doação de têxteis ao “AconXego”!

Ver mais

Eventos

Seminário “Viabilidade de reciclagem e economia circular de lixo-marinho”

2022-09-26

No âmbito do projeto Oceanlit, a Direção Regional do Ambiente e Alterações Climáticas (DRAAC) promoveu o seminário “Viabilidade de reciclagem e economia circular de lixo-marinho”, que decorreu no auditório do Colégio dos Jesuítas, no passado dia 26 de setembro.

Ver mais

Gestão dos Resíduos de Construção e Demolição (RCD) na Economia Circular – Fechar o Ciclo no Sector da Construção Civil

2022-05-18

A Direção Regional do Ambiente e Alterações Climáticas realizou uma apresentação para os alunos do curso Técnico Superior Profissional em Construção Civil, no dia 18 de maio, na Universidade da Madeira, sobre a gestão dos RCD e estratégias regionais de resíduos e de economia circular, a convite da docente Ana Cristina Pereira, responsável pela Unidade Curricular de Higiene, Segurança, Saúde e Ambiente.

Ver mais

Formação sobre estratégias de identificação e valorização de resíduos de plástico nos oceanos

2021-12-13

Como forma de combater o problema dos resíduos plásticos no oceano, a DRAAC realizou no passado dia 10 de dezembro uma ação de formação focada neste tema, em parceria com a ASWP.

Ver mais

Formação para a Prevenção e Gestão de Resíduos de Construção e Demolição

2021-10-26

Nos dias 21 e 22 de outubro decorreram formações dedicadas à Prevenção e Gestão de Resíduos de Construção e Demolição e às alterações introduzidas pelo novo Regime Geral de Gestão de Resíduos.

Ver mais

Divulgação da Plataforma Madeira Circular ao sector do turismo

2021-07-21

Na próxima quarta feira, dia 28 de julho, decorrerá online uma formação sobre a Plataforma Madeira Circular, dedicada ao sector do turismo. 

Ver mais

Primeira sessão de divulgação da Plataforma Madeira Circular

2021-05-17

Divulgação da Plataforma Madeira Circular aos colaboradores da DRAAC.

Ver mais

Sessão pública sobre Agenda Circular e Plataforma Madeira Circular

2021-06-17

Apresentação pública em Câmara de Lobos da Agenda Circular da Madeira e da Plataforma Madeira Circular.

Ver mais